Pedaços

sábado, maio 15, 2010

Vidas ao contrário

Cruzo-me com aqueles que tanto gostam de mim e que nunca vão ser meus... Aqueles que nunca serei capaz de amar e provavelmente me vão amar por toda a vida...
Conheço pessoas lindas, que fazem questão de mostrar o seu carinho e apreço por mim... E no entanto, nada me dizem, senão o imenso respeito que tenho por elas e pelos seus sentimentos por mim...

Amei aqueles que hoje já tem as suas "tais"...
Aqueles que nunca me poderiam nem saberiam amar...
E ainda aqueles que nem sabem que existo...

Vivo com aqueles que gosto...
Aqueles que pegaram em mim ao colo...
Aqueles que me ensinaram a distinguir o bem do mal... O certo do errado...

Dou-me aqueles que nunca me vão abandonar...

Entrego-me por vezes a quem sei que está de partida.

E no entanto, com tanto que dou, que recebo e que perco, sou eu.

Sem comentários: