Pedaços

quinta-feira, janeiro 20, 2011

Na corda bamba...


Quando somos movidos da nossa confortável caminhada e colocados sobre uma corda bamba, sem rede por baixo para nos amparar, sem ninguém para nos suportar na queda...
O nosso coração acorda, o nosso cérebro corre a velocidades doidas, e sabemos que no momento da nossa queda, quer para um lado, quer para o outro, o mundo parará para nos ver cair... Nunca sabemos quais os que irão bater palmas, quer pelo sucesso, quer pelo fracasso. Palmas de felicitação. Ou de sarcasmo.
É quando estamos sobre essa corda, ou com ela no pescoço, que facilmente nos apercebemos do peso de cada escolha da nossa existência, do peso de cada pessoa, e quais as consequências que cada jogada no nosso tabuleiro de xadrez chamado vida, tem.
Temos sempre duas opções, temos sempre dois caminhos... Apenas numa corda. E... Temos pessoas, e não existem más nem existem boas.

Sem comentários: