Pedaços

sexta-feira, março 20, 2015

About you

Existe algo novo em ti a meu respeito. Sinto-o neste silêncio que nos une de parte a parte.
Sempre soube lidar com a indiferença e com o meu lugar vazio, no vazio. 
Nunca me deixar ficar onde não me sentisse querida, nem nunca me disseram para ir embora, porque quando o pensamento ocorreu, eu já tinha virado costas, há muito.
Lamento por mais uma vez me ter iludido. Desiludido.
Lamento se sonhei demasiado.
Se depositei em ti demasiadas esperanças.
Contudo... Sou mestre na arte de enxergar. A mim primeiramente, antes de tudo o resto.
Vou seguir o meu trilho.
De coração fechado. Mas sem que ele se amargure.
Não há luz onde o dia não nasce. Mas tambem não há noite onde a lua não dorme.
Na minha escuridão pelo menos sempre conto com a minha luz. Ainda que fraca, ainda que intermitente, nunca deixará de ser a minha.

Sem comentários: